Reconstituição Histórico-documental da Vida do FC Porto em parcelas memoráveis

Reconstituição histórico-documental da Vida do FC Porto em parcelas memoráveis

Criar é fazer existir, dar vida. Recriar é reconstituir. Como a criação e existência deste blogue tende a que tenha vida perene tudo o que eleva a alma portista. E ao recriar-se memórias procuramos fazer algo para que se não esqueça a história, procurando que seja reavivado o facto de terem existido valores memorávais dignos de registo; tal como se cumpra a finalidade de obtenção glorificadora, que levou a haver pessoas vencedoras, campeões conquistadores de justas vitórias, quais acontecimentos merecedores de evocação histórica.

A. P.

segunda-feira, 27 de maio de 2013

Mais um mandato da frutuosa gerência de Pinto da Costa no FC Porto: Boa continuidade, Presidente-Dragão!

 

O presidente Nuno Pinto da Costa assumiu a continuidade da sua gestão à frente dos destinos do F C Porto, ao tomar posse para mais um triénio da sua a gerência que segue de vento em popa no 13º mandato. Após ato protocolar da tomada de posse dos corpos gerentes, ocorrida esta segunda-feira, no seguimento da respetiva eleição. Cerimónia a que pudemos assistir, à distância mas em cima do acontecimento, através de imagens televisivas em direto no Porto Canal.

   

Recorde-se que Jorge Nuno Pinto da Costa foi, este sábado passado, reeleito presidente do FC Porto, com uma votação superior a 99% dos votos. Com um total de 1258 votos expressos, tanto para a Direcção como para o Conselho Superior, num sufrágio sem oposição, a que se apresentava apenas uma única lista, em sinal da grandiosa maioria da Família Portista continuar a confiar totalmente em Pinto da Costa. 

Nesta ocasião de grande satisfação pessoal e coletiva, por estarmos a viver grandes momentos e termos no horizonte anseios de outros e fundadas esperanças em mais cometimentos, associamo-nos a esta boa realidade, como mais um passo rumo à sublimação clubista que acontecerá com a concretização próxima do futuro Museu do Dragão, uma das certezas prometidas para este mandato (e sabemos que Pinto da Costa é Homem de Palavra!); bem como a manutenção da grandeza Portista perante os bons auspícios de continuidade de vitórias, e tudo o mais inerente.

   

Sabendo-se o que era o F C Porto até à chegada de Pinto da Costa e o que passou a ser depois, ao longo dos anos, e mais, é agora... prestamos aqui, dentro das nossas possibilidades, um justo tributo ao Presidente-Dragão, através da recordação de algumas páginas evocativas desses tempos de antanho, dos inícios de sua gerência, por meio de páginas de um dos livros que lhe foram dedicados…

   

 ...e com a primeira página do jornal O Porto, de Maio de 1982 (dividindo em duas imagens para melhor visualização parcelar), da edição então quinzenária de 12 a 25/5/1982 - que se podem ler clicando sobre as respetivas imagens.

 
 

A propósito, entre diversos casos de artigos que de vezes anteriores focamos o tema, relembre-se alguns exemplos, como estes 
(clicando sobre os links seguintes) 

e
 - Parabéns… 

Armando Pinto

1 comentário:

  1. Porto Canal
    O presidente do FC Porto, Pinto da Costa, iniciou hoje o seu 13.º mandato no cargo, precisamente no dia em que o clube celebra o 26.º aniversário da primeira conquista da Taça dos Campeões Europeus de futebol.
    "Em 1982 prometi fazer tudo para colocar o FC Porto cada vez melhor e é o que continuarei a fazer. Quanto mais vencemos maior é a responsabilidade que sinto. Só garanto estar sempre disponível para defender intransigentemente os interesses do FC Porto, seja contra quem for", disse Pinto da Costa, em declaração ao Porto Canal, depois da tomada de posse dos novos órgãos sociais, no auditório do Estádio do Dragão.
    O presidente portista traçou como objetivos a perseguir neste mandato a "manutenção do nível competitivo das equipas do FC Porto", de modo a que este continue a vencer "ao ritmo que o tem feito", além da "inauguração do museu", prevista para 28 de setembro, data que coincide com o 120.º aniversário do clube, e de "uma festa a condizer" com a sua grandeza.
    Pinto da Costa confessou, ainda, que "não é hipócrita" e que "torceu pelo Vitória de Guimarães" na final da Taça, no domingo, no Jamor, e com o facto de o golo do triunfo vimaranense ter sido "marcado por um jogador que é do FC Porto", Ricardo, aproveitando para elogiar, também, outro jogador já comprometido com os portistas, Tiago Rodrigues, "dois grandes profissionais que vão ficar na história do Vitória".
    No que diz respeito à Direção, entre os seus 14 vice-presidentes sobressaem três, eleitos pela primeira vez na lista de Pinto da Costa: Antero Henrique, atual diretor geral da SAD do futebol, Vítor Hugo, médico e antigo campeão mundial de hóquei em patins, e o empresário/gestor José Américo Amorim.
    Permanecem, entre um total de 14, "vices" que há muito acompanham Pinto da Costa, como são os casos de Reinaldo Teles, Adelino Caldeira, Angelino Ferreira, Álvaro Pinto e Ilídio Pinto.
    Eleito a 17 de abril de 1982 como 33.º presidente do clube, Pinto da Costa, de 74 anos, iniciou hoje o seu 13.º mandato, após 31 anos de páginas "douradas" na história recente do emblema, com inúmeros títulos nacionais e internacionais, nas várias modalidades do clube.
    Sob a sua "batuta", o FC Porto conquistou, no futebol, duas Ligas dos Campeões (uma ainda como Taça dos Campeões Europeus), uma Taça UEFA e uma Liga Europa, uma Supertaça Europeia, duas taças intercontinentais, 20 campeonatos nacionais, 12 Taças de Portugal e 19 Supertaças Cândido de Oliveira.
    A esses, e no que diz respeito a modalidades coletivas, juntam-se 58 títulos no hóquei em patins, 26 no basquetebol e 19 no andebol.

    ResponderEliminar