Reconstituição Histórico-documental da Vida do FC Porto em parcelas memoráveis

Reconstituição histórico-documental da Vida do FC Porto em parcelas memoráveis

Criar é fazer existir, dar vida. Recriar é reconstituir. Como a criação e existência deste blogue tende a que tenha vida perene tudo o que eleva a alma portista. E ao recriar-se memórias procuramos fazer algo para que se não esqueça a história, procurando que seja reavivado o facto de terem existido valores memorávais dignos de registo; tal como se cumpra a finalidade de obtenção glorificadora, que levou a haver pessoas vencedoras, campeões conquistadores de justas vitórias, quais acontecimentos merecedores de evocação histórica.

A. P.

terça-feira, 5 de junho de 2018

Atual Casa do FC Porto de Felgueiras oficialmente inaugurada com Pinto da Costa em forma e promessa de Alípio Jorge (caso o FC Porto triunfe na Taça da Europa de Clubes de bilhar)!


Felgueiras é terra de muitos e bons portistas, como se sabia e ficou bem confirmado na sexta feira 1 de junho, em mais um dia assinalável na memória de gente felgueirense, no convívio portista derivado da inauguração da atual Casa do FC Porto de Felgueiras. Numa linha provinda de tempos históricos de apoiantes do clube dragão.


Como esta zona se insere, afinal, na parte do interior Norte do País onde, por réstias de fósseis, se sabe ter havido remotas existências… também, quais trilobites e dinossauros, há portistas da velha guarda. Pois há muito que Felgueiras tem tido e continua a ter adeptos portistas de forte ligação ao clube azul e branco com nome da Invicta capital do Norte, desde uns Adriano Castro, Cunha Felgueiras, Artur Peixoto Júnior e mais de tempos idos, passando por diversos outros, incluindo o autor destas linhas (não digo, como é costume, passe a imodéstia… porque é dito com orgulho, no caso) como colaborador do antigo jornal O Porto e revista Mundo Azul, e também um Mário Cunha da anterior existência da primeira Casa do FC Porto em Felgueiras, como já historiamos em artigo alusivo, até ao Hugo Reis que é o autêntico herói da abertura e vida da atual Casa do Porto de Felgueiras. Mas ainda de muitos portistas que proliferam por esta região felgueirense, e especialmente pelos que sempre que há algo relevante de afeto portista se manifestam. Como desta feita, mais uma vez, aconteceu com a inauguração da reabertura da Casa do FC Porto de Felgueiras.


Foi uma festa bonita, na verdade, de cujo acontecimento ficaram sensações bem agradáveis e, como tal, faltarão palavras para ilustrar devidamente qualquer narração. Tornado que foi possível tantos felgueirenses verem de perto a chegada do presidente do FC Porto à frente dos Paços do Concelho, onde depois houve a oficial receção, embora estranhamente de acesso ao interior do edifício apenas para entidades e convidados vips, tendo ficado fora o povo que rodeara Pinto da Costa à chegada e o conseguiu voltar a aplaudir à saída. (Contrariamente ao sucedido aquando da anterior vinda de Pinto da Costa à Câmara de Felgueiras, em 2004, pela primeira inauguração das antigas instalações da mesma Casa do clube; assim como de idênticas ocorrências com representantes de outros clubes noutros anos, igualmente.) Seguindo-se a inauguração da Casa propriamente, nas próprias instalações da mesma, bem situada à entrada sul da cidade, nas Idanhas; e por fim o jantar de convívio, conforme estava delineado a preceito. Coisa que, além de tudo o mais, valeu bem a pena, se mais não fosse pelo discurso de Jorge Nuno Pinto da Costa, quanto à confirmação que vai continuar à frente dos destinos do FC Porto.


Por entre a alegria derivada de boa disposição e confiança, o repasto decorreu em tons de fervor clubista, ressaltando que o Presidente Dragão Pinto da Costa continua em forma, enquanto das conversas resultantes das presenças ficou vincada também uma interessante promessa do vice-presidente Alípio Jorge, feita de viva voz a um adepto, de vir a Felgueiras comemorar com o referido portista se o FC Porto vencer a próxima disputa da Taça da Europa de Clubes de bilhar.


Sobre tal ocorrência festiva, para melhor ilustração memoranda, juntamos a reportagem publicada no jornal O Jogo do dia seguinte e algumas imagens da página informática do clube.

Armando Pinto
((( Clicar sobre as imagens e digitalizações, para ampliar )))

Sem comentários:

Publicar um comentário